e-Política
MadsonVagner
Atingida pelo corte no orçamento, UFCA se reúne para discutir inviabilidade

Com o anúncio de um corte de 46% no orçamento, setores da UFCA se reúnem nesta terça-feira, 07, para debater o assunto. O bloquei significa mais de R$ 18 milhões.

07/05/2019 | Madson Vagner

Diante da possibilidade de corte no seu orçamento a Universidade Federal do Cariri (UFCA) começa a debater o problema. Professores, servidores e estudantes se reúnem nesta terça-feira, 07, às 16h30, no campus de Juazeiro do Norte, para discutir os efeitos do bloqueio no orçamento anunciados pelo Ministério da Educação (MEC).

Ainda na sexta-feira, 03, a direção da UFCA publicou nota sobre o posicionamento do Governo Federal em diminuir o repasse em cerca de 46%. Na nota, a Universidade garante que se tornará inviável em caso de corte da verba federal. Em valores, o corte significa cerca de R$ 18,9 milhões a menos.

Hoje a UFCA mantém 23 cursos de graduação, 14 de pós-graduação e mais de 3.290 alunos distribuídos por cinco campi. “Um bloqueio de 47% no orçamento, se não for revertido, inviabilizará o funcionamento do grande patrimônio do Cariri que se tornou a UFCA”, argumenta a nota assinada pela Reitoria.

ANTICIÊNCIA. Com o corte na verba que sustenta o ensino público superior, fica comprometido o desenvolvimento da pesquisa e extensão das Universidades no Brasil. A decisão do Governo Federal estaria ligado a necessidade de se adequar ao teto dos gastos, previsto em lei.

O problema é que a adequação deve deixar as universidades sem dinheiro, sequer, para pagar contas como água e luz. Fora do país, várias publicações, como o “El País”, avaliam a decisão como um movimento anticiência.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: