e-Política
MadsonVagner
Camilo reúne base em Fortaleza, mas não define nomes para mesa da Assembleia

O governador Camilo Santana se reuniu com parte dos deputados da sua base, eleitos e reeleitos, na tarde de ontem, segunda-feira, 17, sob a expectativa da indicação dos nomes para compor a chapa que concorrerá a presidência da Assembleia e o líder do governo para o próximo mandato. Camilo reuniu e, basicamente, só ouviu; frustou […]

18/12/2018 | Madson Vagner

O governador Camilo Santana se reuniu com parte dos deputados da sua base, eleitos e reeleitos, na tarde de ontem, segunda-feira, 17, sob a expectativa da indicação dos nomes para compor a chapa que concorrerá a presidência da Assembleia e o líder do governo para o próximo mandato.

Camilo reuniu e, basicamente, só ouviu; frustou os mais apressados. Na saída da reunião o comentário era um só: nada de novo e tudo indefinido.

Segundo uma fonte no Abolição, nesse encontro, Camilo apenas iniciou a conversa. Está sondando e, cuidadosamente, irá tomar a decisão. E a fonte garante: não tem nada definido!

Primeiro, Camilo deverá definir o candidato à presidência da Assembleia e depois os outros membros da mesa diretora; para então, anunciar o novo líder do Governo na Casa.

CUIDADO. E Camilo tem que ir realmente com calma. Só no PDT, são quatro nomes, incluindo o atual presidente Zezinho Albuquerque, que divide as atenções do governador com os deputados José Sarto, Tin Gomes, atual vice-presidente, e o atual líder do Governo, Evandro Leitão.

Isso fora todos os partidos aliados que querem reuniões particulares para negociar suas participações. Mas, Camilo tem tempo. A eleição só acontece em fevereiro de 2019. Para o governador e seus conselheiros mais próximos, o desafio é saber quem realmente está para disputar e quem está para barganhar.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: