e-Política
MadsonVagner
Cariri abre debate sobre implantação do Porto Seco e ZPE

Colocado em segundo plano pelas gestões municipais até bem pouco tempo, a instalação de um Porto Seco no Cariri deve ganhar corpo nos próximos meses. Uma proposta do deputado estadual Manoel Santana (PT), deve motivar a discussão. O deputado discute na Assembleia Legislativa a implantação de uma Zona de Processamento e Exportação (ZPE) na região. […]

20/06/2018 | Madson Vagner

Colocado em segundo plano pelas gestões municipais até bem pouco tempo, a instalação de um Porto Seco no Cariri deve ganhar corpo nos próximos meses. Uma proposta do deputado estadual Manoel Santana (PT), deve motivar a discussão. O deputado discute na Assembleia Legislativa a implantação de uma Zona de Processamento e Exportação (ZPE) na região.

Secretários municipais, articuladores e prefeitos dos municípios próximos às obras da Ferrovia Transnordestina começam a discutir o tema. Pronta, a Transnordestina deve ser o principal meio de escoamento da produção nordestina e, em consequência, do Cariri.

Dr. Santana reconhece as dificuldades para a implantação, mas acredita que por se tratar de uma eficiente estratégia para o fortalecimento industrial, a proposta possa convencer acerca da viabilidade. “Temos um grande potencial industrial e poderemos crescer ainda mais com a ZPE,” disse.

A única ZPE do Ceará está localizada na cidade de São Gonçalo do Amarante, nas proximidades do Porto do Pecém. No Cariri, devem se inserir na discussão os municípios de Juazeiro do Norte, Barbalha, Missão Velha e Milagres.

Para Dr. Santana uma proposta viável é a que contemple mais de um município. Segundo observa, existem pontos de convergência de vários municípios, como, por exemplo, Crato, Juazeiro e Barbalha. Apesar das questões políticas é consenso que o município de Missão Velha desponta como favorito pela sua localização próxima aos trilhos da Transnordestina.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: