Mas uma pesquisa para corrida presidencial foi divulgada pelo Instituto Datafolha na noite desta segunda-feira, 10. A pesquisa aponta a manutenção do candidato do PSL Jair Bolsonaro na liderança com 24% das intensões de votos. O resultado acaba frustrando a militância de Bolsonaro que esperava um crescimento maior após o atentado sofrido na última semana em Juiz de Fora (MG).

Bolsonaro passou de 22% para 24%, ondulando apenas dentro da margem de erro de 2%. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) com 13%, Marina Silva (Rede) com 11%, Geraldo Alckmin com 10% e Fernando Haddad com 9%. Brancos e nulos somaram 15% e não souberam ou não opinaram ficaram em 7%.

A pesquisa mostra um cenário sem o ex-presidente Lula, onde o seu candidato, Fernando Haddad teve o maior crescimento entre os candidatos. Haddad passou de 4% para 9%. Marina teve o pior resultado, caindo de 16% para 11%. Geraldo Alckmin foi o que menos ondulou e permanece com 10%.

A pesquisa encomendada pela TV Globo e o jornal O Estado de S. Paulo, ouviu os eleitos sobre a rejeição aos candidatos. Nesse quesito Bolsonaro, também lidera com 43%, seguido de Marina com 29%, Geraldo Alckmin com 24%, Haddad com 22% e Ciro com 20%.

O Datafolha pesquisou ainda possíveis cenários para o segundo turno. Bolsonaro perde em todos os confrontos, enquanto Ciro é o mais preferido. Veja como ficariam os confrontos:

Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)

Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)

Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%).

A pesquisa ouviu 2.804 eleitores neste dia 10, em 197 cidades. Tem margem de erro em 2 pontos percentuais para mais e para menos e nível de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o número: BR 02376/2018.

Mas uma pesquisa para corrida presidencial foi divulgada pelo Instituto Datafolha na noite desta segunda-feira, 10. A pesquisa aponta a manutenção do candidato do PSL Jair Bolsonaro na liderança com 24% das intensões de votos. O resultado acaba frustrando a militância de Bolsonaro que esperava um crescimento maior após o atentado sofrido na última semana em Juiz de Fora (MG).

Bolsonaro passou de 22% para 24%, ondulando apenas dentro da margem de erro de 2%. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) com 13%, Marina Silva (Rede) com 11%, Geraldo Alckmin com 10% e Fernando Haddad com 9%. Brancos e nulos somaram 15% e não souberam ou não opinaram ficaram em 7%.

A pesquisa mostra um cenário sem o ex-presidente Lula, onde o seu candidato, Fernando Haddad teve o maior crescimento entre os candidatos. Haddad passou de 4% para 9%. Marina teve o pior resultado, caindo de 16% para 11%. Geraldo Alckmin foi o que menos ondulou e permanece com 10%.

A pesquisa encomendada pela TV Globo e o jornal O Estado de S. Paulo, ouviu os eleitos sobre a rejeição aos candidatos. Nesse quesito Bolsonaro, também lidera com 43%, seguido de Marina com 29%, Geraldo Alckmin com 24%, Haddad com 22% e Ciro com 20%.

O Datafolha pesquisou ainda possíveis cenários para o segundo turno. Bolsonaro perde em todos os confrontos, enquanto Ciro é o mais preferido. Veja como ficariam os confrontos:

Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)

Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)

Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%).

A pesquisa ouviu 2.804 eleitores neste dia 10, em 197 cidades. Tem margem de erro em 2 pontos percentuais para mais e para menos e nível de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o número: BR 02376/2018.

e-Política
MadsonVagner
Datafolha. Bolsonaro lidera, mas continua perdendo no segundo turno

Mas uma pesquisa para corrida presidencial foi divulgada pelo Instituto Datafolha na noite desta segunda-feira, 10. A pesquisa aponta a manutenção do candidato do PSL Jair Bolsonaro na liderança com 24% das intensões de votos. O resultado acaba frustrando a militância de Bolsonaro que esperava um crescimento maior após o atentado sofrido na última semana em Juiz de Fora (MG).

Bolsonaro passou de 22% para 24%, ondulando apenas dentro da margem de erro de 2%. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) com 13%, Marina Silva (Rede) com 11%, Geraldo Alckmin com 10% e Fernando Haddad com 9%. Brancos e nulos somaram 15% e não souberam ou não opinaram ficaram em 7%.

A pesquisa mostra um cenário sem o ex-presidente Lula, onde o seu candidato, Fernando Haddad teve o maior crescimento entre os candidatos. Haddad passou de 4% para 9%. Marina teve o pior resultado, caindo de 16% para 11%. Geraldo Alckmin foi o que menos ondulou e permanece com 10%.

A pesquisa encomendada pela TV Globo e o jornal O Estado de S. Paulo, ouviu os eleitos sobre a rejeição aos candidatos. Nesse quesito Bolsonaro, também lidera com 43%, seguido de Marina com 29%, Geraldo Alckmin com 24%, Haddad com 22% e Ciro com 20%.

O Datafolha pesquisou ainda possíveis cenários para o segundo turno. Bolsonaro perde em todos os confrontos, enquanto Ciro é o mais preferido. Veja como ficariam os confrontos:

Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)

Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)

Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%).

A pesquisa ouviu 2.804 eleitores neste dia 10, em 197 cidades. Tem margem de erro em 2 pontos percentuais para mais e para menos e nível de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o número: BR 02376/2018.

11/09/2018 | Madson Vagner

Mas uma pesquisa para corrida presidencial foi divulgada pelo Instituto Datafolha na noite desta segunda-feira, 10. A pesquisa aponta a manutenção do candidato do PSL Jair Bolsonaro na liderança com 24% das intensões de votos. O resultado acaba frustrando a militância de Bolsonaro que esperava um crescimento maior após o atentado sofrido na última semana em Juiz de Fora (MG).

Bolsonaro passou de 22% para 24%, ondulando apenas dentro da margem de erro de 2%. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) com 13%, Marina Silva (Rede) com 11%, Geraldo Alckmin com 10% e Fernando Haddad com 9%. Brancos e nulos somaram 15% e não souberam ou não opinaram ficaram em 7%.

A pesquisa mostra um cenário sem o ex-presidente Lula, onde o seu candidato, Fernando Haddad teve o maior crescimento entre os candidatos. Haddad passou de 4% para 9%. Marina teve o pior resultado, caindo de 16% para 11%. Geraldo Alckmin foi o que menos ondulou e permanece com 10%.

A pesquisa encomendada pela TV Globo e o jornal O Estado de S. Paulo, ouviu os eleitos sobre a rejeição aos candidatos. Nesse quesito Bolsonaro, também lidera com 43%, seguido de Marina com 29%, Geraldo Alckmin com 24%, Haddad com 22% e Ciro com 20%.

O Datafolha pesquisou ainda possíveis cenários para o segundo turno. Bolsonaro perde em todos os confrontos, enquanto Ciro é o mais preferido. Veja como ficariam os confrontos:

Ciro 45% x 35% Bolsonaro (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)

Marina 43% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 18%; não sabe: 2%)

Ciro 39% x 35% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 3%)

Alckmin 43% x 34% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Marina 38% x 37% Alckmin (branco/nulo: 23%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 29% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%)

Haddad 39% x 38% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 3%)

Ciro 41% x 35% Marina (branco/nulo: 22%; não sabe: 2%)

Marina 42% x 31% Haddad (branco/nulo: 25%; não sabe: 3%).

A pesquisa ouviu 2.804 eleitores neste dia 10, em 197 cidades. Tem margem de erro em 2 pontos percentuais para mais e para menos e nível de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o número: BR 02376/2018.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: