e-Política
MadsonVagner
Eleição da Câmara de Mauriti une oposição e situação

A eleição para a Mesa Diretora de Mauriti está sendo tratada pela população como, no mínimo, estranha. A base do prefeito Mano Morais (PDT) cumpriu sua parte, ao manter acordo para eleger o vereador José Juscier (PDT), conhecido como Dr. Zuza, para assumir a presidência da Casa, mantendo a ex-presidente Fernanda Martins (PSDB) como vice […]

15/01/2019 | Madson Vagner

A eleição para a Mesa Diretora de Mauriti está sendo tratada pela população como, no mínimo, estranha. A base do prefeito Mano Morais (PDT) cumpriu sua parte, ao manter acordo para eleger o vereador José Juscier (PDT), conhecido como Dr. Zuza, para assumir a presidência da Casa, mantendo a ex-presidente Fernanda Martins (PSDB) como vice na chapa. Até aí tudo bem.

O problema é que toda a base de oposição, além de não lançar candidatos, acabou fechando com a situação. Toda a bancada petista, com cerca de nove vereadores, votou no candidato do prefeito. Para os mais críticos, a eleição mostra a fragilidade do debate dos líderes petistas, os ex-prefeitos Isaac Júnior e Evanildo Simão, junto à bancada. Os dois lideram a oposição e devem estar na chapa que terá Isaac Júnior na cabeça. Resta saber se os petistas fecharão chapa.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: