O fim de semana no Ceará trouxe os nomes para disputa ao Governo do Estado nas eleições deste ano. Serão cinco os concorrentes ao cargo majoritário. Na chapa do governo, liderada pelo governador Camilo Santana, ainda há dúvidas no preenchimento da segunda vaga ao Senado.

PT e PDT confirmaram seus nomes em Convenção no domingo (05), no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, em Fortaleza. No evento, foi apontada a reeleição de Camilo ao Governo e a candidatura de Cid Gomes ao Senado. Apesar da expectativa de que outro nome da base pedetista e petista poderia surgir, os partidos homologaram apenas uma candidatura ao Senado.

Ainda no evento, chamou a atenção a ausência do ex-governador e candidato ao Senado Cid Gomes. O governador Camilo disse que o aliado estava enfermo com uma enxaqueca. Outro fato que chamou a atenção foram os baneres do evento com as imagens de Ciro e Lula. Eles estarão em lados opostos na corrida ao Planalto.

OPOSIÇÃO. No dia 29 de julho, também, no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, foi realizada a Convenção do PSDB que homologou a candidatura do General Theophilo ao Governo. Ao Senado, foram homologadas candidaturas de Eduardo Girão e Mayra Pinheiro.

Foram homologados, ainda, em Convenção as candidaturas ao Governo, de Ailton Lopes pelo Psol, no dia 28 de julho, na sede do partido em Fortaleza; Francisco Gonzaga pelo PSTU, no dia 2 deste mês, na sede do partido, em fortaleza; além de Hélio Góis pelo PSL, no dia 29 de julho, em Fortaleza.

Os nomes para as disputas majoritárias e proporcionais, escolhidos nas convenções devem apresentados junto à Justiça Eleitoral até o dia 15 deste mês de agosto.

O fim de semana no Ceará trouxe os nomes para disputa ao Governo do Estado nas eleições deste ano. Serão cinco os concorrentes ao cargo majoritário. Na chapa do governo, liderada pelo governador Camilo Santana, ainda há dúvidas no preenchimento da segunda vaga ao Senado.

PT e PDT confirmaram seus nomes em Convenção no domingo (05), no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, em Fortaleza. No evento, foi apontada a reeleição de Camilo ao Governo e a candidatura de Cid Gomes ao Senado. Apesar da expectativa de que outro nome da base pedetista e petista poderia surgir, os partidos homologaram apenas uma candidatura ao Senado.

Ainda no evento, chamou a atenção a ausência do ex-governador e candidato ao Senado Cid Gomes. O governador Camilo disse que o aliado estava enfermo com uma enxaqueca. Outro fato que chamou a atenção foram os baneres do evento com as imagens de Ciro e Lula. Eles estarão em lados opostos na corrida ao Planalto.

OPOSIÇÃO. No dia 29 de julho, também, no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, foi realizada a Convenção do PSDB que homologou a candidatura do General Theophilo ao Governo. Ao Senado, foram homologadas candidaturas de Eduardo Girão e Mayra Pinheiro.

Foram homologados, ainda, em Convenção as candidaturas ao Governo, de Ailton Lopes pelo Psol, no dia 28 de julho, na sede do partido em Fortaleza; Francisco Gonzaga pelo PSTU, no dia 2 deste mês, na sede do partido, em fortaleza; além de Hélio Góis pelo PSL, no dia 29 de julho, em Fortaleza.

Os nomes para as disputas majoritárias e proporcionais, escolhidos nas convenções devem apresentados junto à Justiça Eleitoral até o dia 15 deste mês de agosto.

e-Política
MadsonVagner
Eleições 2018. Disputa no Ceará terá cinco candidatos ao governo

O fim de semana no Ceará trouxe os nomes para disputa ao Governo do Estado nas eleições deste ano. Serão cinco os concorrentes ao cargo majoritário. Na chapa do governo, liderada pelo governador Camilo Santana, ainda há dúvidas no preenchimento da segunda vaga ao Senado.

PT e PDT confirmaram seus nomes em Convenção no domingo (05), no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, em Fortaleza. No evento, foi apontada a reeleição de Camilo ao Governo e a candidatura de Cid Gomes ao Senado. Apesar da expectativa de que outro nome da base pedetista e petista poderia surgir, os partidos homologaram apenas uma candidatura ao Senado.

Ainda no evento, chamou a atenção a ausência do ex-governador e candidato ao Senado Cid Gomes. O governador Camilo disse que o aliado estava enfermo com uma enxaqueca. Outro fato que chamou a atenção foram os baneres do evento com as imagens de Ciro e Lula. Eles estarão em lados opostos na corrida ao Planalto.

OPOSIÇÃO. No dia 29 de julho, também, no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, foi realizada a Convenção do PSDB que homologou a candidatura do General Theophilo ao Governo. Ao Senado, foram homologadas candidaturas de Eduardo Girão e Mayra Pinheiro.

Foram homologados, ainda, em Convenção as candidaturas ao Governo, de Ailton Lopes pelo Psol, no dia 28 de julho, na sede do partido em Fortaleza; Francisco Gonzaga pelo PSTU, no dia 2 deste mês, na sede do partido, em fortaleza; além de Hélio Góis pelo PSL, no dia 29 de julho, em Fortaleza.

Os nomes para as disputas majoritárias e proporcionais, escolhidos nas convenções devem apresentados junto à Justiça Eleitoral até o dia 15 deste mês de agosto.

06/08/2018 | Madson Vagner

O fim de semana no Ceará trouxe os nomes para disputa ao Governo do Estado nas eleições deste ano. Serão cinco os concorrentes ao cargo majoritário. Na chapa do governo, liderada pelo governador Camilo Santana, ainda há dúvidas no preenchimento da segunda vaga ao Senado.

PT e PDT confirmaram seus nomes em Convenção no domingo (05), no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, em Fortaleza. No evento, foi apontada a reeleição de Camilo ao Governo e a candidatura de Cid Gomes ao Senado. Apesar da expectativa de que outro nome da base pedetista e petista poderia surgir, os partidos homologaram apenas uma candidatura ao Senado.

Ainda no evento, chamou a atenção a ausência do ex-governador e candidato ao Senado Cid Gomes. O governador Camilo disse que o aliado estava enfermo com uma enxaqueca. Outro fato que chamou a atenção foram os baneres do evento com as imagens de Ciro e Lula. Eles estarão em lados opostos na corrida ao Planalto.

OPOSIÇÃO. No dia 29 de julho, também, no Ginásio de Esportes da Faculdade Ary de Sá, foi realizada a Convenção do PSDB que homologou a candidatura do General Theophilo ao Governo. Ao Senado, foram homologadas candidaturas de Eduardo Girão e Mayra Pinheiro.

Foram homologados, ainda, em Convenção as candidaturas ao Governo, de Ailton Lopes pelo Psol, no dia 28 de julho, na sede do partido em Fortaleza; Francisco Gonzaga pelo PSTU, no dia 2 deste mês, na sede do partido, em fortaleza; além de Hélio Góis pelo PSL, no dia 29 de julho, em Fortaleza.

Os nomes para as disputas majoritárias e proporcionais, escolhidos nas convenções devem apresentados junto à Justiça Eleitoral até o dia 15 deste mês de agosto.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: