e-Política
MadsonVagner
*PUBLICIDADE
Em entrevista, ex-presidente Michel Temer diz que impeachment de Dilma foi “golpe”

O ex-presidente Michel Temer (MDB) qualificou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) de “golpe” e que tentou barrar o processo.

18/09/2019 | Madson Vagner

Em entrevista ao programa Roda Viva da TV Cultura, nessa segunda-feira, 16, o ex-presidente Michel Temer (MDB) qualificou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) de “golpe” e chamou Lula de “presidente”. O processo tramitou na Câmara e no Senado em 2016.

Temer surpreendeu ainda ao dizer que pretendia atuar com Lula para evitar o golpe, mas o ministro do STF, Gilmar Mendes, impediu que ele assumisse a Casa Civil e inviabilizou a articulação. “Eu jamais apoiei ou fiz empenho pelo golpe”, disse Temer.

O ex-presidente revelou ainda que tentou impedir o avanço do processo do impeachment após um telefonema do Lula.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: