e-Política
MadsonVagner
Em Farias Brito, base do prefeito Deda contra-ataca e quer cassar vereadora Preta

O ex-prefeito, Marcos Moreira, vai pedir a cassação da vereadora Heloisa Pereira, a Preta, por “infração política administrativa”.

27/07/2021 | Madson Vagner

Os vereadores da base do prefeito de Farias Brito, Deda Pereira, parecem dispostos a vender caro uma possível derrota na Justiça Eleitoral, no caso das candidaturas femininas fantasmas. Na última semana, um perfil do facebook afirmou que o ex-prefeito Marcos Moreira, vai entrar com pedido de cassação do mandato da vereadora Heloisa Pereira, a Preta, por “infração política administrativa”.

Uma sessão extraordinária está sendo articulada apenas para fazer o recebimento do pedido. Preta já responde por envolvimento na locação de imóveis ao Município em nome de laranjas. A Justiça local decretou, inclusive, a indisponibilidade de bens da vereadora que, também, é ex-primeira-dama. Para Marcos Moreira, a vereadora utilizou-se do mandato para prática de atos de corrupção e de improbidade administrativa.

Firme no propósito de vingar os aliados, Marcos Moreira tem lembrado de forma dura as acusações: é inadmissível uma vereadora, sendo fiscal da Prefeitura, envolvida numa trama criminosa de desvio de recursos públicos. O caso envolve emissão de cheques para laranjas, antes de passar pela conta da vereadora.

Ainda no caso das candidaturas fantasmas, PT e PDT podem ficar sem representantes na Câmara por relacionarem, pelo menos, quatro candidatas femininas que tiveram menos de cinco votos. A denúncia é que as candidatas teriam recebido dinheiro para se candidatarem, preenchendo a cota de gênero das siglas.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: