e-Política
MadsonVagner
Em Fortaleza, Ciro declara “EleNão”, mas não fecha apoio a Haddad

O pedetista Ciro Gomes acabou com o suspense sobre seu apoio ao candidato petista Fernando Haddad. Em desembarque da Europa, Ciro não declarou apoio ao petista e se restringiu a pedir “EleNão”, se referindo ao candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Ciro desembarcou na noite dessa sexta-feira, 26, em Fortaleza onde foi recebido por apoiadores e […]

27/10/2018 | Madson Vagner

O pedetista Ciro Gomes acabou com o suspense sobre seu apoio ao candidato petista Fernando Haddad. Em desembarque da Europa, Ciro não declarou apoio ao petista e se restringiu a pedir “EleNão”, se referindo ao candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Ciro desembarcou na noite dessa sexta-feira, 26, em Fortaleza onde foi recebido por apoiadores e simpatizantes.

A expectativa era que Ciro, terceiro colocado no primeiro turno das eleições presidenciais, abraçasse a candidatura petista, como fez seu irmão Cid Gomes, ex-governador e senador eleito. Antes da viajem de duas semanas, Ciro havia declarado um “apoio crítico”, mas sem envolvimento na campanha.

A avaliação de Haddad, durante passagem pela Bahia, era que o apoio de Ciro poderia somar entre 3% e 4% a sua campanha nessa reta final de segundo turno. Já estava sendo preparado a gravação de um vídeo em apoio ao petista, mas nada foi confirmado. Ciro e apoiadores não falaram com a imprensa que esteve no aeroporto Pinto Martins.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: