e-Política
MadsonVagner
Em Santana do Cariri, presidente da Câmara diz que tudo aconteceu dentro da lei

Depois da grande repercussão sobre o processo de sucessão para a mesa diretora da Câmara de Santana do Cariri, o presidente Gildo Lopes garante que não houve truculência e tudo foi feito em observância ao Regimento Interno. Segundo o presidente, o pedido de impugnação contra a chapa de oposição foi protocolada dentro do prazo regimental […]

12/11/2018 | Madson Vagner

Depois da grande repercussão sobre o processo de sucessão para a mesa diretora da Câmara de Santana do Cariri, o presidente Gildo Lopes garante que não houve truculência e tudo foi feito em observância ao Regimento Interno. Segundo o presidente, o pedido de impugnação contra a chapa de oposição foi protocolada dentro do prazo regimental e a fraude comprovada pela assessoria jurídica da Casa aconteceu em tempo hábil.

Gildo apresentou documentos onde demonstra a diferença das assinaturas da candidata Luciene Soares, na lista de presença e no requerimento de registro da chapa. Faltou ainda as assinaturas dos outros integrantes da chapa no documento de registro. O material deve passar por exame grafotécnico para ser enviado ao Ministério Público. O presidente eleito, vereador Arclébio Dias, garante que assume em janeiro de 2019.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: