e-Política
MadsonVagner
Empossados, ministros de Bolsonaro começam definir política

A maioria dos ministros do Governo Bolsonaro foram empossados em Brasília. Ao todo 18 dos 22 ministros tomaram posse nessa quarta-feira, dia 2 de janeiro. O presidente participou de cinco dessas cerimonias. No cardápio dessa nova mudança de rumo, Paulo Guedes, o super ministro da Economia, deu o tom dos discursos ao defendeu os novos […]

04/01/2019 | Madson Vagner

A maioria dos ministros do Governo Bolsonaro foram empossados em Brasília. Ao todo 18 dos 22 ministros tomaram posse nessa quarta-feira, dia 2 de janeiro. O presidente participou de cinco dessas cerimonias. No cardápio dessa nova mudança de rumo, Paulo Guedes, o super ministro da Economia, deu o tom dos discursos ao defendeu os novos pilares da economia.

Sergio Moro, titular no Ministério da Justiça, disse que o Brasil não será ‘porto seguro’ para criminosos. O novo chanceler Ernesto Araújo falou em grego para atacar a ordem global e a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, a pastora Damares Alves, disse que acabou a ‘doutrinação ideológica de crianças e adolescentes’.

Apesar das muitas contestações, os discursos confirmaram as expectativas e acabaram agradando o mercado. As medidas que fizeram subir a níveis históricos a bolsa de valores, foram principalmente as econômicas. Mas, há um ganho político em se confirmar o que já se discutia a meses sobre as ações do novo governo.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: