e-Política
MadsonVagner
General Mourão, vice de Bolsonaro faz críticas ao adicional de férias e 13º salário

O general Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice-presidente na chapa do presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, chocou o Brasil com a afirmação contrária a uma conquista histórica dos trabalhadores. Em palestra no Clube dos Diretores Lojistas (CDL) de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, Mourão classificou o 13º salário uma das “jabuticabas” brasileiras. “Como a gente […]

27/09/2018 | Madson Vagner

O general Hamilton Mourão (PRTB), candidato a vice-presidente na chapa do presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, chocou o Brasil com a afirmação contrária a uma conquista histórica dos trabalhadores. Em palestra no Clube dos Diretores Lojistas (CDL) de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, Mourão classificou o 13º salário uma das “jabuticabas” brasileiras.

“Como a gente arrecada 12 (meses) e paga 13? O Brasil é o único lugar onde a pessoa entra em férias e ganha mais”, disse Mourão, ressaltando: “São coisas nossas, a legislação que está aí. A visão dita social com o chapéu dos outros e não do governo”.

O discurso vai ao encontro do que foi estabelecido pela Reforma Trabalhista, aprovada pelo Governo Temer no Congresso em 2017. O governo previa que a medida geraria cerca de 1 milhão de novos postos de trabalho este ano, mas segundo novas estimativas oficiais serão criados menos da metade.

Para especialistas, uma eventual extinção do 13º geraria dificuldades para o consumo das famílias dificultando, ainda mais a retomada do crescimento econômico.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: