e-Política
MadsonVagner
Glêdson diz que transparência e reeleição são incompatíveis

O presidente da Câmara de Juazeiro do Norte, vereador Glêdson Bezerra (PMN), não deve disputar a reeleição para a Mesa Diretora da Casa. Para entrar na disputa, é necessária uma chapa com pelo menos seis vereadores. Com isso, Glêdson confirmou que não tem as adesões e que não pretende buscá-las. Apesar da grande gestão feita […]

05/06/2018 | Madson Vagner

O presidente da Câmara de Juazeiro do Norte, vereador Glêdson Bezerra (PMN), não deve disputar a reeleição para a Mesa Diretora da Casa. Para entrar na disputa, é necessária uma chapa com pelo menos seis vereadores. Com isso, Glêdson confirmou que não tem as adesões e que não pretende buscá-las.

Apesar da grande gestão feita à frente da Casa Legislativa, Glêdson não consegue se viabilizar para a eleição da Câmara, segundo ele, por um motivo simples: não abre mão da transparência, do trabalho sério e do respeito ao erário público. “Para se reeleger é preciso negociar e fazer concessões. E isso eu não vou fazer”, disse.

Gledson vai além ao analisar que o gestor público não pode se preocupar com reeleição. “Quando se pensa em reeleição, é necessário fazer concessões, que mais tarde dificultam o trabalho. Nós fizemos um bom trabalho e não vou jogar isso no lixo”, argumentou. O presidente destaca vitórias como estar com as contas em dia e ter quitado mais de R$ 1 milhão em dívidas atrasadas.

Mesmo com as críticas às negociações que acontecem para se viabilizar um candidato, Glêdson acredita que a próxima gestão vai seguir o que está posto. “É uma questão de lógica. O Ministério Público e a imprensa estão olhando e vão cobrar. Se mudar o conceito estabelecido, a população não vai aceitar,” acredita.

(Matéria completa no Jornal do Cariri).

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: