A deputada federal Gorete Pereira (PR) usou dinheiro do chamado “cotão” da Câmara dos Deputados para fretar avião para sua campanha à reeleição. Segundo a revisa Crusoé, Gorete teria utilizado R$ 18 mil da Câmara. A informação está no portal da transparência da Casa Legislativa.

Gorete usou o dinheiro em duas ocasiões: em 30 de agosto, para lançar sua candidatura em Crateús; e 17 de setembro, para cumprir agenda de campanha no mesmo município. A candidata requisitou pessoalmente o ressarcimento das despesas como se fosse atividades da Câmara dos Deputados.

O dinheiro do “cotão” e destinado a pagar somente os gastos dos deputados em atividades parlamentares, sendo vetado seu uso para fins eleitorais. Gorete diz que as viagens não tinham relação com a campanha e teria ido como presidente regional do PR.

A deputada federal Gorete Pereira (PR) usou dinheiro do chamado “cotão” da Câmara dos Deputados para fretar avião para sua campanha à reeleição. Segundo a revisa Crusoé, Gorete teria utilizado R$ 18 mil da Câmara. A informação está no portal da transparência da Casa Legislativa.

Gorete usou o dinheiro em duas ocasiões: em 30 de agosto, para lançar sua candidatura em Crateús; e 17 de setembro, para cumprir agenda de campanha no mesmo município. A candidata requisitou pessoalmente o ressarcimento das despesas como se fosse atividades da Câmara dos Deputados.

O dinheiro do “cotão” e destinado a pagar somente os gastos dos deputados em atividades parlamentares, sendo vetado seu uso para fins eleitorais. Gorete diz que as viagens não tinham relação com a campanha e teria ido como presidente regional do PR.

e-Política
MadsonVagner
Gorete usa dinheiro da Câmara para bancar viagens da campanha

A deputada federal Gorete Pereira (PR) usou dinheiro do chamado “cotão” da Câmara dos Deputados para fretar avião para sua campanha à reeleição. Segundo a revisa Crusoé, Gorete teria utilizado R$ 18 mil da Câmara. A informação está no portal da transparência da Casa Legislativa.

Gorete usou o dinheiro em duas ocasiões: em 30 de agosto, para lançar sua candidatura em Crateús; e 17 de setembro, para cumprir agenda de campanha no mesmo município. A candidata requisitou pessoalmente o ressarcimento das despesas como se fosse atividades da Câmara dos Deputados.

O dinheiro do “cotão” e destinado a pagar somente os gastos dos deputados em atividades parlamentares, sendo vetado seu uso para fins eleitorais. Gorete diz que as viagens não tinham relação com a campanha e teria ido como presidente regional do PR.

05/10/2018 | Madson Vagner

A deputada federal Gorete Pereira (PR) usou dinheiro do chamado “cotão” da Câmara dos Deputados para fretar avião para sua campanha à reeleição. Segundo a revisa Crusoé, Gorete teria utilizado R$ 18 mil da Câmara. A informação está no portal da transparência da Casa Legislativa.

Gorete usou o dinheiro em duas ocasiões: em 30 de agosto, para lançar sua candidatura em Crateús; e 17 de setembro, para cumprir agenda de campanha no mesmo município. A candidata requisitou pessoalmente o ressarcimento das despesas como se fosse atividades da Câmara dos Deputados.

O dinheiro do “cotão” e destinado a pagar somente os gastos dos deputados em atividades parlamentares, sendo vetado seu uso para fins eleitorais. Gorete diz que as viagens não tinham relação com a campanha e teria ido como presidente regional do PR.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: