Os dois principais institutos de pesquisa do país, Ibope e Datafolha, divulgaram suas últimas pesquisas para o primeiro turno das eleições presidenciais neste sábado, 06. Em ambas as amostragens, os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), mantém a dianteira e devem disputar o segundo turno.

Segundo números do Datafolha, Bolsonaro teria 36% das intensões de votos contra 22% de Haddad. Se computados apenas os votos úteis, Bolsonaro teria 40% e Haddad 25%. Os mesmo números foram divulgados pelo Ibope, onde Bolsonaro teria 36% e Haddad 22%.

Nos votos válidos Bolsonaro tem, segundo o Datafolha 40%, e 41% segundo o Ibope. Haddad tem 25% em ambas. Para que um dos candidatos vencesse no primeiro turno seriam necessários 50% mais um dos votos úteis. Ou seja, excluindo brancos e nulos.

Quando o assunto é segundo turno, as duas pesquisas apontam para um empate técnico entre os dois candidatos. No Datafolha, Bolsonaro teria 45% contra 43% de Haddad. No Ibope Bolsonaro teria 52% contra 48% de Haddad.

Na terceira colocação vem o pedetista Ciro Gomes que aparece com 13% das intenções de votos, tanto no Ibope quanto no Datafolha. Se considerados apenas os votos válidos, Ciro teria 15%.

Em simulações de segundo turno Ciro estaria empatado tecnicamente com Bolsonaro e Haddad, mas em ambos os casos ondulando na margem de erros para cima. A média varia em 3 e 4 pontos percentuais em favor de Ciro sobre os dois candidatos.

O Ibope ouviu 3.010 pessoas e o Datafolha 19.552, entre os dias 5 e 6. As duas pesquisas indicam nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos e estão registradas no TSE.

Os dois principais institutos de pesquisa do país, Ibope e Datafolha, divulgaram suas últimas pesquisas para o primeiro turno das eleições presidenciais neste sábado, 06. Em ambas as amostragens, os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), mantém a dianteira e devem disputar o segundo turno.

Segundo números do Datafolha, Bolsonaro teria 36% das intensões de votos contra 22% de Haddad. Se computados apenas os votos úteis, Bolsonaro teria 40% e Haddad 25%. Os mesmo números foram divulgados pelo Ibope, onde Bolsonaro teria 36% e Haddad 22%.

Nos votos válidos Bolsonaro tem, segundo o Datafolha 40%, e 41% segundo o Ibope. Haddad tem 25% em ambas. Para que um dos candidatos vencesse no primeiro turno seriam necessários 50% mais um dos votos úteis. Ou seja, excluindo brancos e nulos.

Quando o assunto é segundo turno, as duas pesquisas apontam para um empate técnico entre os dois candidatos. No Datafolha, Bolsonaro teria 45% contra 43% de Haddad. No Ibope Bolsonaro teria 52% contra 48% de Haddad.

Na terceira colocação vem o pedetista Ciro Gomes que aparece com 13% das intenções de votos, tanto no Ibope quanto no Datafolha. Se considerados apenas os votos válidos, Ciro teria 15%.

Em simulações de segundo turno Ciro estaria empatado tecnicamente com Bolsonaro e Haddad, mas em ambos os casos ondulando na margem de erros para cima. A média varia em 3 e 4 pontos percentuais em favor de Ciro sobre os dois candidatos.

O Ibope ouviu 3.010 pessoas e o Datafolha 19.552, entre os dias 5 e 6. As duas pesquisas indicam nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos e estão registradas no TSE.

e-Política
MadsonVagner
Ibope e Datafolha: Segundo turno com Bolsonaro e Haddad; Ciro corre por fora

Os dois principais institutos de pesquisa do país, Ibope e Datafolha, divulgaram suas últimas pesquisas para o primeiro turno das eleições presidenciais neste sábado, 06. Em ambas as amostragens, os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), mantém a dianteira e devem disputar o segundo turno.

Segundo números do Datafolha, Bolsonaro teria 36% das intensões de votos contra 22% de Haddad. Se computados apenas os votos úteis, Bolsonaro teria 40% e Haddad 25%. Os mesmo números foram divulgados pelo Ibope, onde Bolsonaro teria 36% e Haddad 22%.

Nos votos válidos Bolsonaro tem, segundo o Datafolha 40%, e 41% segundo o Ibope. Haddad tem 25% em ambas. Para que um dos candidatos vencesse no primeiro turno seriam necessários 50% mais um dos votos úteis. Ou seja, excluindo brancos e nulos.

Quando o assunto é segundo turno, as duas pesquisas apontam para um empate técnico entre os dois candidatos. No Datafolha, Bolsonaro teria 45% contra 43% de Haddad. No Ibope Bolsonaro teria 52% contra 48% de Haddad.

Na terceira colocação vem o pedetista Ciro Gomes que aparece com 13% das intenções de votos, tanto no Ibope quanto no Datafolha. Se considerados apenas os votos válidos, Ciro teria 15%.

Em simulações de segundo turno Ciro estaria empatado tecnicamente com Bolsonaro e Haddad, mas em ambos os casos ondulando na margem de erros para cima. A média varia em 3 e 4 pontos percentuais em favor de Ciro sobre os dois candidatos.

O Ibope ouviu 3.010 pessoas e o Datafolha 19.552, entre os dias 5 e 6. As duas pesquisas indicam nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos e estão registradas no TSE.

07/10/2018 | Madson Vagner

Os dois principais institutos de pesquisa do país, Ibope e Datafolha, divulgaram suas últimas pesquisas para o primeiro turno das eleições presidenciais neste sábado, 06. Em ambas as amostragens, os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), mantém a dianteira e devem disputar o segundo turno.

Segundo números do Datafolha, Bolsonaro teria 36% das intensões de votos contra 22% de Haddad. Se computados apenas os votos úteis, Bolsonaro teria 40% e Haddad 25%. Os mesmo números foram divulgados pelo Ibope, onde Bolsonaro teria 36% e Haddad 22%.

Nos votos válidos Bolsonaro tem, segundo o Datafolha 40%, e 41% segundo o Ibope. Haddad tem 25% em ambas. Para que um dos candidatos vencesse no primeiro turno seriam necessários 50% mais um dos votos úteis. Ou seja, excluindo brancos e nulos.

Quando o assunto é segundo turno, as duas pesquisas apontam para um empate técnico entre os dois candidatos. No Datafolha, Bolsonaro teria 45% contra 43% de Haddad. No Ibope Bolsonaro teria 52% contra 48% de Haddad.

Na terceira colocação vem o pedetista Ciro Gomes que aparece com 13% das intenções de votos, tanto no Ibope quanto no Datafolha. Se considerados apenas os votos válidos, Ciro teria 15%.

Em simulações de segundo turno Ciro estaria empatado tecnicamente com Bolsonaro e Haddad, mas em ambos os casos ondulando na margem de erros para cima. A média varia em 3 e 4 pontos percentuais em favor de Ciro sobre os dois candidatos.

O Ibope ouviu 3.010 pessoas e o Datafolha 19.552, entre os dias 5 e 6. As duas pesquisas indicam nível de confiança de 95% e margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos e estão registradas no TSE.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: