Uma nova pesquisa Ibope para a corrida presidencial foi divulgada na noite desta segunda-feira, 24, pela TV Globo e jornal Estado de S. Paulo. A pesquisa mostra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com 28% das intenções de voto, Fernando Haddad (PT) com 22%, e Ciro Gomes com 11%.

Em comparação com a pesquisa anterior (18/09) o petista Haddad cresce 3%, enquanto Bolsonaro e Ciro permanecem com a mesma pontuação.

Ainda no primeiro bloco da disputa aparecem o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin com 8%, oscilando um ponto percentual para cima, e Marina Silva (Rede) com 5% e oscilando um ponto percentual para baixo.

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro passou a perder de Haddad (43% a 37%), Ciro (46% a 35%) e Alckmin (41% a 36%), e fica empatado com Marina Silva (39% a 39%).

Quando o assunto e rejeição, Bolsonaro disparou para 46%, enquanto Haddad tem 30%, Marina tem 25%, Alckmin tem 20% e Ciro tem 18%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 23 de setembro e foram entrevistadas 2.506 pessoas em 178 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob número BR 06630/2018.

Uma nova pesquisa Ibope para a corrida presidencial foi divulgada na noite desta segunda-feira, 24, pela TV Globo e jornal Estado de S. Paulo. A pesquisa mostra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com 28% das intenções de voto, Fernando Haddad (PT) com 22%, e Ciro Gomes com 11%.

Em comparação com a pesquisa anterior (18/09) o petista Haddad cresce 3%, enquanto Bolsonaro e Ciro permanecem com a mesma pontuação.

Ainda no primeiro bloco da disputa aparecem o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin com 8%, oscilando um ponto percentual para cima, e Marina Silva (Rede) com 5% e oscilando um ponto percentual para baixo.

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro passou a perder de Haddad (43% a 37%), Ciro (46% a 35%) e Alckmin (41% a 36%), e fica empatado com Marina Silva (39% a 39%).

Quando o assunto e rejeição, Bolsonaro disparou para 46%, enquanto Haddad tem 30%, Marina tem 25%, Alckmin tem 20% e Ciro tem 18%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 23 de setembro e foram entrevistadas 2.506 pessoas em 178 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob número BR 06630/2018.

e-Política
MadsonVagner
Ibope. Haddad chega a 22%, Bolsonaro se mantém com 28% e Ciro com 11%

Uma nova pesquisa Ibope para a corrida presidencial foi divulgada na noite desta segunda-feira, 24, pela TV Globo e jornal Estado de S. Paulo. A pesquisa mostra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com 28% das intenções de voto, Fernando Haddad (PT) com 22%, e Ciro Gomes com 11%.

Em comparação com a pesquisa anterior (18/09) o petista Haddad cresce 3%, enquanto Bolsonaro e Ciro permanecem com a mesma pontuação.

Ainda no primeiro bloco da disputa aparecem o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin com 8%, oscilando um ponto percentual para cima, e Marina Silva (Rede) com 5% e oscilando um ponto percentual para baixo.

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro passou a perder de Haddad (43% a 37%), Ciro (46% a 35%) e Alckmin (41% a 36%), e fica empatado com Marina Silva (39% a 39%).

Quando o assunto e rejeição, Bolsonaro disparou para 46%, enquanto Haddad tem 30%, Marina tem 25%, Alckmin tem 20% e Ciro tem 18%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 23 de setembro e foram entrevistadas 2.506 pessoas em 178 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob número BR 06630/2018.

25/09/2018 | Madson Vagner

Uma nova pesquisa Ibope para a corrida presidencial foi divulgada na noite desta segunda-feira, 24, pela TV Globo e jornal Estado de S. Paulo. A pesquisa mostra o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com 28% das intenções de voto, Fernando Haddad (PT) com 22%, e Ciro Gomes com 11%.

Em comparação com a pesquisa anterior (18/09) o petista Haddad cresce 3%, enquanto Bolsonaro e Ciro permanecem com a mesma pontuação.

Ainda no primeiro bloco da disputa aparecem o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin com 8%, oscilando um ponto percentual para cima, e Marina Silva (Rede) com 5% e oscilando um ponto percentual para baixo.

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro passou a perder de Haddad (43% a 37%), Ciro (46% a 35%) e Alckmin (41% a 36%), e fica empatado com Marina Silva (39% a 39%).

Quando o assunto e rejeição, Bolsonaro disparou para 46%, enquanto Haddad tem 30%, Marina tem 25%, Alckmin tem 20% e Ciro tem 18%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 22 e 23 de setembro e foram entrevistadas 2.506 pessoas em 178 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O registro no Tribunal Superior Eleitoral foi feito sob número BR 06630/2018.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: