e-Política
MadsonVagner
*PUBLICIDADE
Justiça autoriza quebra dos sigilos fiscal e bancário de Flávio Bolsonaro

A Justiça do Rio de Janeiro autorizou a quebra dos sigilos fiscal e bancário do senador Flávio Bolsonaro e do seu ex-assessor Fabrício Queiroz.

14/05/2019 | Madson Vagner

Depois de mais de quatro meses de investigação, a Justiça do Rio de Janeiro autorizou no dia 34 de abril, a quebra dos sigilos fiscal e bancário do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e do seu ex-assessor Fabricio Queiroz. A informação foi divulgada nesta segunda-feira, 13, pelo Jornal O Globo. O processo corre em segredo de justiça.

Junto com Flávio e Queiroz, também, terão suas informações bancárias investigadas, a esposa de Flávio, Fernanda Bolsonaro; uma empresa da família (Bolsotini Chocolates e Café); além das filhas de Queiroz, Nathalia e Evelyn, e a esposa e, também, ex-assessora de Flávio, Marcia Queiroz.

Em nota, a defesa de Fabrico Queiroz afirmou que “ele e família recebem a notícia com tranquilidade”. A nota, também, faz pouco da decisão ao afirmar que não de “mera tentativa de dar aparência de legalidade a um ato que foi praticado de forma ilegal”.

Na mesma linha de confronto ao Ministério Público, Flávio Bolsonaro divulgou nota afirmando que o seu sigilo bancário já havia sido quebrado ilegalmente pelo MP do Rio, sem autorização judicial.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: