Quem quer se garantir em cargo eletivo no Ceará nas próximas eleições deve ler atentamente a última publicação do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sobre o crescimento do eleitorado. Segundo pesquisa do órgão, por amostragem de domicílio, o estado deve ultrapassar os 6,9 milhões de habitantes maiores de 16 anos, ou seja, aptos a votar.

O número é 9,6% maior que em 2016, quando os municípios elegeram seus prefeitos e vereadores. Maioria em números de habitantes, as mulheres ainda têm uma expectativa de vida em mais de 8 anos em comparação com os homens. Ou seja, as mulheres, além de serem maioria, também, vivem mais.

Somado a tudo isso, levantamentos mostram que as mulheres têm alcançados mais escolaridade que os homens, o que, mostra maior interesse pelo futuro. É bom os candidatos incluírem um debate especifico para o gênero nestas eleições. Pode fazer a diferença!

Quem quer se garantir em cargo eletivo no Ceará nas próximas eleições deve ler atentamente a última publicação do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sobre o crescimento do eleitorado. Segundo pesquisa do órgão, por amostragem de domicílio, o estado deve ultrapassar os 6,9 milhões de habitantes maiores de 16 anos, ou seja, aptos a votar.

O número é 9,6% maior que em 2016, quando os municípios elegeram seus prefeitos e vereadores. Maioria em números de habitantes, as mulheres ainda têm uma expectativa de vida em mais de 8 anos em comparação com os homens. Ou seja, as mulheres, além de serem maioria, também, vivem mais.

Somado a tudo isso, levantamentos mostram que as mulheres têm alcançados mais escolaridade que os homens, o que, mostra maior interesse pelo futuro. É bom os candidatos incluírem um debate especifico para o gênero nestas eleições. Pode fazer a diferença!

e-Política
MadsonVagner
No Ceará, os candidatos devem manter o foco no voto feminino

Quem quer se garantir em cargo eletivo no Ceará nas próximas eleições deve ler atentamente a última publicação do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sobre o crescimento do eleitorado. Segundo pesquisa do órgão, por amostragem de domicílio, o estado deve ultrapassar os 6,9 milhões de habitantes maiores de 16 anos, ou seja, aptos a votar.

O número é 9,6% maior que em 2016, quando os municípios elegeram seus prefeitos e vereadores. Maioria em números de habitantes, as mulheres ainda têm uma expectativa de vida em mais de 8 anos em comparação com os homens. Ou seja, as mulheres, além de serem maioria, também, vivem mais.

Somado a tudo isso, levantamentos mostram que as mulheres têm alcançados mais escolaridade que os homens, o que, mostra maior interesse pelo futuro. É bom os candidatos incluírem um debate especifico para o gênero nestas eleições. Pode fazer a diferença!

01/08/2018 | Madson Vagner

Quem quer se garantir em cargo eletivo no Ceará nas próximas eleições deve ler atentamente a última publicação do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), sobre o crescimento do eleitorado. Segundo pesquisa do órgão, por amostragem de domicílio, o estado deve ultrapassar os 6,9 milhões de habitantes maiores de 16 anos, ou seja, aptos a votar.

O número é 9,6% maior que em 2016, quando os municípios elegeram seus prefeitos e vereadores. Maioria em números de habitantes, as mulheres ainda têm uma expectativa de vida em mais de 8 anos em comparação com os homens. Ou seja, as mulheres, além de serem maioria, também, vivem mais.

Somado a tudo isso, levantamentos mostram que as mulheres têm alcançados mais escolaridade que os homens, o que, mostra maior interesse pelo futuro. É bom os candidatos incluírem um debate especifico para o gênero nestas eleições. Pode fazer a diferença!

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: