A população de Santana do Cariri parece ter perdido a paciência com o prefeito recém eleito, Pedro Henrique (MDB). Ele tem sido cobrado por estar sumido da cidade e por não mandar na gestão. Toda vez que é procurado para resolver problemas político-administrativos, ele recorre ao seu pai, Pedro de Gerson.

Entre suas poucas interferências na gestão, autorizou a lavagem da sua rua em frente a sua casa, com água de um carro pipa pago pela Prefeitura. O desmando já incomoda aliados como o ex-prefeito Jesus Garcia, que ameaça romper.

Na cidade, a avaliação é que a troca entre Pedro e Danieli foi “seis por meia dúzia”. O cenário acaba fortalecendo o candidato derrotado na eleição suplementar, o ex-presidente da Câmara, Vicente Brilhante. Que venha 2020!

A população de Santana do Cariri parece ter perdido a paciência com o prefeito recém eleito, Pedro Henrique (MDB). Ele tem sido cobrado por estar sumido da cidade e por não mandar na gestão. Toda vez que é procurado para resolver problemas político-administrativos, ele recorre ao seu pai, Pedro de Gerson.

Entre suas poucas interferências na gestão, autorizou a lavagem da sua rua em frente a sua casa, com água de um carro pipa pago pela Prefeitura. O desmando já incomoda aliados como o ex-prefeito Jesus Garcia, que ameaça romper.

Na cidade, a avaliação é que a troca entre Pedro e Danieli foi “seis por meia dúzia”. O cenário acaba fortalecendo o candidato derrotado na eleição suplementar, o ex-presidente da Câmara, Vicente Brilhante. Que venha 2020!

e-Política
MadsonVagner
População de Santana do Cariri insatisfeita, trocou “seis por meia dúzia”

A população de Santana do Cariri parece ter perdido a paciência com o prefeito recém eleito, Pedro Henrique (MDB). Ele tem sido cobrado por estar sumido da cidade e por não mandar na gestão. Toda vez que é procurado para resolver problemas político-administrativos, ele recorre ao seu pai, Pedro de Gerson.

Entre suas poucas interferências na gestão, autorizou a lavagem da sua rua em frente a sua casa, com água de um carro pipa pago pela Prefeitura. O desmando já incomoda aliados como o ex-prefeito Jesus Garcia, que ameaça romper.

Na cidade, a avaliação é que a troca entre Pedro e Danieli foi “seis por meia dúzia”. O cenário acaba fortalecendo o candidato derrotado na eleição suplementar, o ex-presidente da Câmara, Vicente Brilhante. Que venha 2020!

25/09/2018 | Madson Vagner

A população de Santana do Cariri parece ter perdido a paciência com o prefeito recém eleito, Pedro Henrique (MDB). Ele tem sido cobrado por estar sumido da cidade e por não mandar na gestão. Toda vez que é procurado para resolver problemas político-administrativos, ele recorre ao seu pai, Pedro de Gerson.

Entre suas poucas interferências na gestão, autorizou a lavagem da sua rua em frente a sua casa, com água de um carro pipa pago pela Prefeitura. O desmando já incomoda aliados como o ex-prefeito Jesus Garcia, que ameaça romper.

Na cidade, a avaliação é que a troca entre Pedro e Danieli foi “seis por meia dúzia”. O cenário acaba fortalecendo o candidato derrotado na eleição suplementar, o ex-presidente da Câmara, Vicente Brilhante. Que venha 2020!

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: