e-Política
MadsonVagner
Protesto e comício na rodovia entre Granjeiro e Várzea Alegre; reação foi imediata

Opositores do Governo do Estado e dos prefeitos de Granjeiro e Várzea Alegre se revezaram nos discursos. O protesto pedia a imediata recuperação da CE 060, entre as duas cidades.

20/04/2019 | Madson Vagner

Sem paciência com a demora nas obras de recuperação da CE 060, trecho entre Granjeiro e Várzea Alegre, a população protestou pelas péssimas condições da pista no último dia 16. Os manifestantes cobraram providência do Governo e dos prefeitos João Gregório e Zé Helder. Opositores aos prefeitos, pediram as presenças dos gestores para explicarem a demora.

Vereadores e outros líderes políticos se revezaram nos discursos em cima de um carro de som. Por mais de duas horas, os prefeitos foram desafiados na sua articulação e colocado em xeque sua influência junto ao governador Camilo Santana.

Segundo informações, os gestores reconheceram a gravidade e a urgência da situação, mas criticaram o uso político do momento. O debate promete continuar nas sessões das Câmaras. Será que os prefeitos comparecerão?

A pressão deu resultado

A grande repercussão sobre as autoridades deu resultado. No mesmo dia da manifestação que queimou pneus e interrompeu o trafego, o deputado estadual Guilherme Landim, se antecipou e já anunciou a solicitação para a recuperação de estradas estaduais nos municípios de Brejo Santo, Mauriti, Jati, Penaforte, Barro, Missão Velha e Porteiras. Guilherme disse que já articula a inclusão dos municípios no programa Ceará de Ponta a Ponta, há dois anos. Em alguns casos já houve licitação.

No mesmo embalo o governador Camilo Santana, anunciou a disponibilização de R$ 150 milhões para a recuperação de várias estradas cearenses, após as chuvas. Apesar do alívio, a espera será penosa para quem precisa trafegar pelos trechos.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: