e-Política
MadsonVagner
Racha familiar pode mudar rumo da eleição em Missão Velha

Os ex-prefeitos Tardiny e Gidalberto, estão prestes a romper. Apesar de irmãos, eles não têm se entendido nas posições políticas.

24/05/2019 | Madson Vagner

A sucessão de Missão Velha, está próxima de uma reviravolta. O grupo político liderado pelos ex-prefeitos Tardiny e Gidalberto Pinheiro, está prestes a se tornar dois. Apesar de irmãos, Tardiny e Gidalberto não têm se entendido nas posições políticas. Gidalberto tem defendido a candidatura do vice-prefeito, Dr. Lorin, enquanto Tardiny diz não confiar no ex-adversário.

Lorin pertencia ao grupo liderado pelo ex-prefeito Washington Fechine, ao qual faz parte o atual prefeito Diego Feitosa. Gidalberto avalia que os últimos desgastes sofridos por ele e pelo irmão, facilita a reeleição de Diego. Recentemente, Tardiny teve prisão decretada e Gidalberto bloqueio de bens.

Apesar disso, Tardiny garante que será candidato independente do irmão. Em meio a tensão, o vereador José Rodrigues, patriarca dos Pinheiros, tenta amenizar a situação e manter o grupo unido.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: