Uma reunião do colégio de líderes deve pôr fim ao impasse sobre a eleição para a nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. A reunião, marcada para esta terça-feira (06), foi anunciada na sessão da quinta-feira, 1º de março, pelo presidente Gledson Bezerra (PMN). A decisão veio após o presidente ser procurado pelo vereador Darlan Lobo (MDB) para discutir uma saída para a crise.

Darlan liderou um grupo de 16 vereadores que assinaram um Projeto de Lei propondo a antecipação da eleição da mesa para o dia 10 de abril próximo. Para o presidente Gledson não existe viabilidade para a realização da eleição na data prevista pelo grupo. “Deixei clara a minha insatisfação e que não iria colocar o projeto para votar,” disse.

Gledson revelou que, além de Darlan, foi procurado por outros vereadores pedindo para que houvesse uma flexibilização da sua parte, que havia marcado a eleição para a dia 15 dezembro. Os parlamentares argumentaram que a eleição em dezembro inviabiliza um processo de transição. “Não quero agir como ditador e, por isso, flexibilizei”. “Vamos chamar o colégio de líderes e apresentar uma emenda ao projeto”, disse.

A emenda proposta por Gledson estabelece a data de 15 de agosto para a eleição. Durante a reunião dos líderes, será definida uma comissão para tratar da emenda ao Projeto que altera o Regimento Interno. A mesma comissão vai regulamentar a data para o segundo semestre deste ano. A nova mesa assumirá para o biênio 2019/2020.

Uma reunião do colégio de líderes deve pôr fim ao impasse sobre a eleição para a nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. A reunião, marcada para esta terça-feira (06), foi anunciada na sessão da quinta-feira, 1º de março, pelo presidente Gledson Bezerra (PMN). A decisão veio após o presidente ser procurado pelo vereador Darlan Lobo (MDB) para discutir uma saída para a crise.

Darlan liderou um grupo de 16 vereadores que assinaram um Projeto de Lei propondo a antecipação da eleição da mesa para o dia 10 de abril próximo. Para o presidente Gledson não existe viabilidade para a realização da eleição na data prevista pelo grupo. “Deixei clara a minha insatisfação e que não iria colocar o projeto para votar,” disse.

Gledson revelou que, além de Darlan, foi procurado por outros vereadores pedindo para que houvesse uma flexibilização da sua parte, que havia marcado a eleição para a dia 15 dezembro. Os parlamentares argumentaram que a eleição em dezembro inviabiliza um processo de transição. “Não quero agir como ditador e, por isso, flexibilizei”. “Vamos chamar o colégio de líderes e apresentar uma emenda ao projeto”, disse.

A emenda proposta por Gledson estabelece a data de 15 de agosto para a eleição. Durante a reunião dos líderes, será definida uma comissão para tratar da emenda ao Projeto que altera o Regimento Interno. A mesma comissão vai regulamentar a data para o segundo semestre deste ano. A nova mesa assumirá para o biênio 2019/2020.

e-Política
MadsonVagner
Reunião de líderes vai definir eleição para presidência

Uma reunião do colégio de líderes deve pôr fim ao impasse sobre a eleição para a nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. A reunião, marcada para esta terça-feira (06), foi anunciada na sessão da quinta-feira, 1º de março, pelo presidente Gledson Bezerra (PMN). A decisão veio após o presidente ser procurado pelo vereador Darlan Lobo (MDB) para discutir uma saída para a crise.

Darlan liderou um grupo de 16 vereadores que assinaram um Projeto de Lei propondo a antecipação da eleição da mesa para o dia 10 de abril próximo. Para o presidente Gledson não existe viabilidade para a realização da eleição na data prevista pelo grupo. “Deixei clara a minha insatisfação e que não iria colocar o projeto para votar,” disse.

Gledson revelou que, além de Darlan, foi procurado por outros vereadores pedindo para que houvesse uma flexibilização da sua parte, que havia marcado a eleição para a dia 15 dezembro. Os parlamentares argumentaram que a eleição em dezembro inviabiliza um processo de transição. “Não quero agir como ditador e, por isso, flexibilizei”. “Vamos chamar o colégio de líderes e apresentar uma emenda ao projeto”, disse.

A emenda proposta por Gledson estabelece a data de 15 de agosto para a eleição. Durante a reunião dos líderes, será definida uma comissão para tratar da emenda ao Projeto que altera o Regimento Interno. A mesma comissão vai regulamentar a data para o segundo semestre deste ano. A nova mesa assumirá para o biênio 2019/2020.

06/03/2018 | Madson Vagner

Uma reunião do colégio de líderes deve pôr fim ao impasse sobre a eleição para a nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Juazeiro do Norte. A reunião, marcada para esta terça-feira (06), foi anunciada na sessão da quinta-feira, 1º de março, pelo presidente Gledson Bezerra (PMN). A decisão veio após o presidente ser procurado pelo vereador Darlan Lobo (MDB) para discutir uma saída para a crise.

Darlan liderou um grupo de 16 vereadores que assinaram um Projeto de Lei propondo a antecipação da eleição da mesa para o dia 10 de abril próximo. Para o presidente Gledson não existe viabilidade para a realização da eleição na data prevista pelo grupo. “Deixei clara a minha insatisfação e que não iria colocar o projeto para votar,” disse.

Gledson revelou que, além de Darlan, foi procurado por outros vereadores pedindo para que houvesse uma flexibilização da sua parte, que havia marcado a eleição para a dia 15 dezembro. Os parlamentares argumentaram que a eleição em dezembro inviabiliza um processo de transição. “Não quero agir como ditador e, por isso, flexibilizei”. “Vamos chamar o colégio de líderes e apresentar uma emenda ao projeto”, disse.

A emenda proposta por Gledson estabelece a data de 15 de agosto para a eleição. Durante a reunião dos líderes, será definida uma comissão para tratar da emenda ao Projeto que altera o Regimento Interno. A mesma comissão vai regulamentar a data para o segundo semestre deste ano. A nova mesa assumirá para o biênio 2019/2020.

Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: