e-Política
MadsonVagner
Sem perdão. Cearenses mandam 10 deputados federais para casa

A eleição deste ano, realizada no último domingo, 07, revelou um imenso descontentamento dos cearenses com seus deputados federais. Ao todo foram 10 deputados federais que não conseguiram a reeleição. Grande parte deles envolvidos em polêmicas, investigações por corrupção ou tidos como traidores a ex-aliados. Mesmo entre os que conseguiram a reeleição, houve uma queda […]

14/10/2018 | Madson Vagner

A eleição deste ano, realizada no último domingo, 07, revelou um imenso descontentamento dos cearenses com seus deputados federais. Ao todo foram 10 deputados federais que não conseguiram a reeleição. Grande parte deles envolvidos em polêmicas, investigações por corrupção ou tidos como traidores a ex-aliados. Mesmo entre os que conseguiram a reeleição, houve uma queda significativa nos votos demonstrando esse descontentamento.

Nomes como Aníbal Gomes (DEM), Odorico Monteiro (PSB), Antônio Balman (PDT), Gorete Pereira (PR), Chico Lopes (PCdoB), Ronaldo Martins (PRB), Adail Carneiro (Pode), Cabo Sabino (Avante), Danilo Forte (PSDB) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB), estão fora da próxima legislatura. De todos o mais antigo era Raimundo Matos com mais de 20 anos de Casa.

Gorete Pereira, Danilo Forte e Aníbal Gomes estiveram entre os 10 mais votados em 2014. Outro muito bem votado que perdeu o mandato foi Cabo Sabino. Com mais de 120 mil votos, ele foi 12º na última eleição. Para este ano, Cabo Sabino rompeu a parceria com Capitão Wagner, o mais votado neste ano com mais de 300 mil votos.

Na Assembleia Legislativa, não voltam à Casa os deputados Dr. Lucílvio Girão (PP), Duquinha (PDT), Ferreira Aragão (PDT), Bethrose (PP), Mário Hélio (Patri) e o caririense Ely Aguiar (DC).

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: