e-Política
MadsonVagner
Tarrafas pode ficar sem prefeito

Nada é tão ruim que não possa piorar. Apesar de clichê, o adágio popular se aplica a situação de Tarrafas. Sem dinheiro, agora o município pode ficar sem prefeito. É que o Ministério Público do Estado resolveu acabar com a farra dos cargos públicos distribuídos para familiares do prefeito. A promotora Vandisa Azevedo, pediu o […]

20/11/2018 | Madson Vagner

Nada é tão ruim que não possa piorar. Apesar de clichê, o adágio popular se aplica a situação de Tarrafas. Sem dinheiro, agora o município pode ficar sem prefeito. É que o Ministério Público do Estado resolveu acabar com a farra dos cargos públicos distribuídos para familiares do prefeito.

A promotora Vandisa Azevedo, pediu o afastamento e a indisponibilidade dos bens do prefeito Taiano, do vice Cícero Palácio, da presidente da Câmara, Francisca da Silva, e de mais 31 pessoas, por nepotismo. Os três estão na escala de sucessão. A promotora pediu ainda bloqueio financeiro no valor de 658 mil.

Na ação, impetrada no dia 13, a promotora disse que a prática resulta num total desrespeito aos princípios da impessoalidade e moralidade na gestão pública. Prefeito e vice já haviam sido cassados por compra de votos, mas o TRE anulou a decisão.

*PUBLICIDADE
*PUBLICIDADE
Especial/Reportagem

Livro

Leia Também: